Título: Fazendo meu filme 1 - A Estréia de Fani

Autora: Paula Pimenta

Editora: Gutenberg

Páginas: 336

Ano: 2009

Sinopse: Tudo muda na vida de Fani quando surge a oportunidade de fazer um intercâmbio e morar um ano em outro país. As reveladoras conversas por telefone ou MSN e os constantes bilhetinhos durante a aula passam a ter outro assunto: a viagem que se aproxima.“Fazendo meu filme” nos apresenta o fascinante universo de uma menina cheia de expectativas, que vive a dúvida entre continuar sua rotina, com seus amigos, familiares, estudos e seu inesperado novo amor, ou se aventurar em um outro país e mergulhar num mundo cheio de novas possibilidades.

Oii galera, ultimamente eu ando tendo muita sorte com as minhas leituras, só livro bom, e a resenha de hoje não seria diferente, "Fazendo meu filme" é puro amor, ele vai contar a história de Fani, uma adolescente de 16 anos que tem uma vida normal e típica dos adolescentes da sua idade, a trama vai girar em torno da vida dela e de seus amigos: Léo, Priscila, Rodrigo, Gabi e Natália.

Fani, uma jovem , viciada em filmes, inteligente, dedicada e tímida tem uma vida comum, porém ao longo do livro situações típicas (ou não tão típicas assim) dessa idade começam a acontecer com ela: uma paixão por um professor, a possibilidade de um intercâmbio e a frieza e distância que o seu melhor amigo começa a trata-lá. O leitor então, vai tendo em um primeiro momento a apresentação da protagonista, sua vida, seus amigos, seus medos, sonhos, inseguranças e objetivos.

"É tão estranho como uma pessoa fica diferente aos nossos olhos quando o sentimento da gente muda..."

Além disso, nossa protagonista, tem que se preocupar com os estudos e tratar de alguns problemas do coração, mas a maior mudança é se ela fará ou não o intercâmbio, mudar de país, conhecer uma nova cultura, pessoas diferente, não é algo simples de se lidar ainda mais quando já está acomodada com a vida de sempre. A Paula Pimenta nos trouxe um livro muito amorzinho que vai abordar as descobertas dessa fase, amizades, festas, amores, estudos ,ou seja, todas essas situações que acontecem com qualquer adolescente. Mas, o diferencial no livro foi a maneira que a escritora aborda isso, de forma autêntica, bem construída e envolvente, a Paula faz com que o leitor se apegue aos personagens e vivencie tudo ali , como se fosse real. Li rapidamente o livro e quando percebi já estava finalizando a leitura, porque a escrita da autora é fácil e tranquila. Por ser o primeiro de uma série, a trama não aprofundou em alguns personagens secundários e eu meio que não descobri ainda como eles são, mas entendo que iremos conhecer melhor eles no decorrer dos próximos livros.

"Fazendo meu filme" é o tipo de livro que conquista o leitor pela simplicidade da história, com personagens cativantes e uma narrativa rápida, é um YA amorzinho e que faz parte de uma série composta por quatro livro e que com certeza darei continuidade, e na verdade terminei a leitura necessitando da continuação, espero comprar em breve.

"O problema é que, quando estou interessada, não consigo agir naturalmente. Disfarço ao máximo os meus sentimento, não consigo deixar que o menino perceba que eu estou a fim, como se isso fosse me deixar muito vulnerável,tipo nas mão dele."



Espero que tenham gostado da resenha.
- Beijos, Carol!


4 Comentários

  1. Oi, Carol!
    Todo mundo fala bem dessa série da Paula Pimenta, mas ainda não parei para dar uma conferida. Pode ser que eu curta porque gosto desse tipo de história.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Lu, acho que irá gostar sim , é um livro simples, mas é essa simplicidade que me encantou.
      - Beijos, Carol!

      Excluir
  2. Olá, tudo bem? Nunca li nada da autora, mas morro de vontade, pois a escrita dela é super elogiada. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Larissa, tudo sim e com você? Então, a escrita da escritora foi com certeza um dos pontos fortes do livro, a Paula escreve super bem, vale a pena dar uma chance aos livros dela.
      - Beijos, Carol!

      Excluir