Título: Onze Semanas

Autor: Ernani Lemos 

Editora: Chiado

Páginas: 248

Ano: 2015

Sinopse: A relação de amor entre duas pessoas, seja de mãe e filho, seja de marido e mulher, é desmedida por padrão. No início a empolgação se esforça para esconder todos os defeitos e no fim o cansaço faz esquecer todas as qualidades. Não há relacionamento em que uma pessoa veja a outra com justiça. Se existe alguém com quem nunca somos generosos, é com quem amamos. Que acontecimento poderoso consegue afastar mãe e filha por quase toda a vida? E que tipo de força é capaz de reaproximá-las nas fronteiras da morte? Da cama de hospital onde vive seus últimos dias, Claudia dá início a uma jornada dolorosa pelas experiências que moldaram a história dela e da filha, Meg. A mãe terá que ser mais rápida do que a morte para convencer a jovem a dividir confissões de uma vida marcada por um trauma. Manter-se viva e reviver a memória serão os desafios de Claudia para mudar o mundo das pessoas que mais ama. Com uma dose de mistério que fatalmente leva os olhos à próxima página, Onze Semanas é uma viagem de sensações viscerais que conduz o leitor inúmeras vezes, sem que ele perceba, ao papel dos personagens.

*livro recebido em parceria com a editora.

Oii galera, hoje a resenha é de um dos livros mais impactante e intenso que li durante esse ano, "Onze Semanas" contará a história de Cláudia e Margareth, mãe e filha, que não mantem contato entre si devido as desavenças ocorridas no passado. Mas, após Cláudia descobrir que tem pouco tempo de vida, ela resolve que está na hora de colocar um ponto final em toda a mágoa que a filha guarda dela e tentar consertar os erros cometidos, sendo assim, ambas se veem frente à frente para reviver o passado e tentar reconquistar o amor perdido entre mãe e filha.

Meg, uma jovem bióloga e apaixonada por cores, sempre viveu sentindo que faltava algo em si, um vazio, devia ser a falta de um laço materno, já que ela sempre odiou sua mãe devido à várias circunstâncias vivida durante a sua infância. Porém, ela se vê em um difícil dilema quando seu irmão conta que sua mãe está entre a vida e a morte e que Meg deveria ir ao hospital resolver suas diferenças com a mãe, e dar um último adeus. Ao chegar no hospital ela depara com Cláudia bem debilitada, no entanto a mãe numa última tentativa de salvar o relacionamento com a filha propõe o seguinte jogo: a cada ida de Meg no hospital ela deveria contar um pouco sobre sua vida e em troca ela iria receber folhas do diário de sua mãe, nessas folhas ficaria explicada o real motivo que fez a relação entre elas se abalar. Diante dessa premissa o autor desenvolve todo o enredo, fazendo com que o leitor vá descobrindo tudo os que as personagens passaram até o presente momento.

"Acredite em mim. Há motivo para tudo. As piores coisas que a gente faz, geralmente têm início em algo tão ruim quanto elas. Ou em acontecimentos ainda mais graves. Eu vou tudo. Cada detalhe que nos levou a isso..."

Ernani Lemos, soube trazer uma história incrível e impactante, com reviravoltas e acontecimentos que deixa o leitor de "queixo caído", uma história bem desenvolvida narrada em terceira pessoa, que foca mais no desenvolvimento e construção dos personagens do que propriamente no cenário em si, com uma escrita direta e forte o autor vai apresentando os fatos, e em cada capítulo a curiosidade só aumenta para saber o que realmente motivou a indiferença que a Meg sentia por sua mãe, esse mistério todo faz a leitura fluir bem, sendo um livro que dá pra ler em um dia.

"Onze Semanas", traz uma mensagem triste mais ao mesmo tempo reflexiva, uma leitura que trata sobre perdas, traumas, desavenças, amores, abuso e mais um milhão de coisas, um livro completo, genial, impactante, tenso e forte, um livro que com certeza todos deveriam ler.

"Jogue no colo de alguém um problema novo e imediatamente nasce um especialista. Ninguém é incapaz de algo que implique em viver ou morrer. A gente aprende, se adapta e resolve."



Espero que tenham gostado da resenha.
-Beijos, Carol!





6 Comentários

  1. Hey, Carol!

    Eu já ouvi falar sobre esse livro, porém ainda não havia lido nenhuma resenha, e confesso a capa não me chamou a atenção. Mas, sua resenha me mostrou que o livro tem uma história muito interessante e que provavelmente irei gostar.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Thay, espero que você tenha a oportunidade de ler esse livro, ele realmente tem uma história muito interessante e forte, indico bastante.
      - Beijos, Carol!

      Excluir
  2. Oi, Carol!
    Já li várias resenhas positivas sobre esse livro, mas ainda não bateu o interesse em ler :(
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaah Lu, leia sim hahaha quero que mais gente leia pra saber o que acham e discutir sobre a história.
      -Beijos, Carol!

      Excluir
  3. Já vi algumas resenhas desse livro e fiquei muito interessada. Ainda assim confesso que a capa não me chamou muito atenção, mas a premissa e as histórias me fizeram rever o que eu pensava. Adorei sua resenha!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg Lilian, fico feliz que tenha gostado da resenha, espero que você tenha vontade de ler esse livro hahaha preciso comentar sobre ele com alguém.
      -Beijos, Carol!

      Excluir