Título: Segunda chance, volume 1

Autor: Ademir Garcia

Editora: All Print

Ano: 2014

Páginas: 262


Sinopse: Até onde você estaria disposto a ir para lutar pela chance de refazer sua vida? Saulo sumiu por conta própria há 10 anos atrás e agora está de volta. Ele quer recuperar sua vida. Mas como moldar um futuro se seu passado está sempre tão presente ? Tina teve o noivo assassinado e tem medo de ser feliz de novo. Como ser feliz se ela teme se entregar a um novo relacionamento? Ricardo é um stripper que quer mais da vida, mas como querer mais se o prazer da vida que leva o acomoda? Joana é um dona de casa infeliz e apegada ao passado. Mas como ser feliz se ela mesma constrói a própria infelicidade? Américo é um senhor de idade, que mantém uma misteriosa plantação de rosas. O que essas rosas significam tanto pra ele? Conforme essas cinco pessoas vão se cruzando, e vivendo acontecimentos fora de controle, eles irão perceber que para ter uma segunda chance não basta querer: é preciso merecer!

Oii galera, a resenha dessa vez é do livro "Segunda chance" do Ademir Garcia que vai contar a história de diferentes personagens que tem apenas algo em comum: a vontade de recomeçar, de poder ter uma segunda chance. Nele conhecemos a história de cinco pessoas diferentes que não estão satisfeitas com o rumo no qual suas vidas tomaram.

"- A vida é assim. Você precisa aprender a caminhar de novo... se não nunca vai se levantar e vai ficar pra trás..."

Inicialmente conhecemos Saulo, que retorna à sua cidade após 10 anos desaparecido e ele quer que sua vida volte a ser como era antes, porém nem tudo está como ele havia deixado e se ele quiser as coisas de volta ao normal precisará se esforçar ao máximo para conseguir. Após Saulo, conhecemos Tina que é sua irmã e que depois te ter perdido o noivo em um assassinato nunca mais foi a mesma e sempre viveu em um período de luto que a fez se fechar para o mundo. Conhecemos também a história do avô, o senhor Américo, que mantém uma plantação de rosas, ninguém sabe o motivo da plantação, mas essas rosas significam algo a mais. 

Os outros dois personagens que são apresentados durante a trama não tem ligação entre si e nem com os anteriormente mencionados na resenha: o primeiro é Ricardo que vai pra cidade grande em busca de uma chance de se dar bem na vida, mas acaba virando stripper para poder se sustentar e percebe que nem tudo é tão fácil como parece. E a última personagem que faz parte do livro é a Joana que é uma infeliz dona de casa que não vive uma situação boa com o marido e percebe que talvez ela tenha feito as escolhas erradas quando ainda era uma adolescente, apegada ao passado ela percebe que se tivesse feito escolhas diferentes seu futuro poderia ser diferente.

No decorrer da trama, vamos vendo os dilemas enfrentado por cada um dos protagonistas e como eles tentam consertar a vida que levam, as escolhas que fazem, suas decepções e seus objetivos, narrado em terceira pessoa os capítulos se alternam sob o ponto de vista de cada protagonista. Um ponto que eu não gostei, foi o Ricardo, ele me irritou demais, foi aquele tipo de personagem que eu não conseguia gostar, eu até tentava entender o que ele fazia, mas não dava, eu simplesmente não concordava com as sua escolhas e ficava as vezes perplexa com as suas atitudes.

O livro em si é muito bem escrito e estruturado, o autor com uma escrita forte e direta soube fazer o leitor entrar na história e compartilhar os dramas com as personagens, mas acima de tudo a mensagem essencial que o livro me passou foi que são as nossas escolhas que refletem a vida que temos e que jamais devemos desistir daquilo que queremos, devemos lutar pelos nossos sonhos, há uma segunda chance para todos, mas cabe a cada um de nós sermos merecedores e saber aproveitar.

A leitura, não foi só um passatempo, foi aquele tipo de livro que deixou uma mensagem para mim e após termina-lo fiquei ansiosa pela continuação, pois fica tudo muito aberto e preciso saber qual será o desfecho de cada personagem, espero que o autor lance logo a continuação.

Sendo assim, "Segunda chance" foi um livro em que me identifiquei com alguns personagens e com os outros nem tanto, foi uma leitura leve mas ao mesmo tempo densa, em que concordava e discordava ao mesmo tempo, foi um dos livros mais conflituosos que eu li esse ano e que dividiu minha opinião, mas o que ficou pra mim como uma certeza é que vale a pena a leitura para cada um tirar por si só sua própria conclusão e entender que a vida é uma constante aventura em que vivemos momentos bons e ruins.

"- Amar é isso Tina. É arriscar, assumindo aquilo que sente e entrando de cabeça em cada momento sem pensar no final. É se machucar, sabendo que mesmo assim por alguns momentos você foi feliz e que apesar de tudo valeu a pena."



Espero que tenham gostado da resenha.
- Beijos, Carol!


*livro cedido em parceria com o autor, muito obrigada!



2 Comentários

  1. Adoro livros que me surpreende me impossibilitando de ter uma opinião forma sobre o que sinto pelos personagens, aparentemente esse é um deles.
    Gostei muito da sua resenha.
    Beijo

    www.tecontopoesia.com

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, que bom que gostou da resenha. Espero que vc leia esse livro então pra ver se compartilhamos da mesma ideia. Irei visitar seu cantinho.
    -beijos, Carol!

    ResponderExcluir