Título: Mente vazia, oficina de Deus!

Autor: Caio Costa

Editora: Chiado

Páginas: 97 páginas

Ano: 2015

Sinopse: Eu havia recebido uma instrução do meu Eu Superior, quando estava em meditação, de que eu deveria escrever um livro, mas não sabia o que e nem como escrever, então não dei muita atenção a isso. Até que alguns dias depois brotou o título do livro, e novamente veio junto a orientação de materializar o que havia de chegar a mim, enfim ai comecei a escrever, sob a orientação da Consciência Divina, tudo fluiu claramente. É tempo de grandes mudanças energéticas no planeta e em cada um de nós, é tempo de iluminar todas as sombras que nos habitam. As mensagens expressas do Divino e materializadas neste livro nos instruem a vivermos despertos, seguros, em paz, felizes, nos mostram nossa verdadeira essência, convidando-nos a firmarmos no amor Divino que a tudo integra e principalmente nos ensinam que o vazio e a quietude não são um nada a ser temido, mas sim, um santuário de comunhão com Deus a ser procurado. Este é um livro capaz de transmutar padrões.


Oii galera, a resenha de hoje é um pouco diferente, porque o livro "Mente vazia oficina de Deus" é um livro de mensagens positivas e reflexivas daquelas que fazem você questionar como tem levado a sua vida e te motivar a ser uma pessoa melhor todos os dias.

O mais legal desse livro é que o autor não está te convencendo a ter uma religião ou algo do tipo como o título possa fazer sugerir, na verdade o que ele quer é que possamos viver de forma melhor, cada vez mais próximo de coisas boas como a família e os amigos e que possamos ter uma mente aberta a todas as coisas que acontecem conosco.

"Não crie expectativas em relação a nada nem a ninguém, expectativas não correspondidas geram sofrimento, esteja sempre e completamente no momento presente. A vida acontece no agora."

Outro ponto interessante abordado pelo Caio e nos mostrar o poder da meditação, através das curtas e simples frases, pude perceber o quanto a meditação é algo lindo e mágico que transcende o indivíduo e chega a sua essência, fiquei com muita vontade de conhecer mais sobre esse universo.

Por ser um livro curtinho e com frases, eu aproveitava para ler de manhã, para começar o dia bem e com boas energias. A escrita do Caio é fácil e modesta  e é isso que faz com que o livro não perca a sua simplicidade e atinja a todos os públicos, não há restrição de idade para a realização da leitura.

Para quem gosta de livros que transmitam mensagens e pensamentos motivadores e reflexivos, esse livro agradará bastante, o autor soube como nos tocar de uma forma leve e sútil e nos fazer rever nossos conceitos, aprender com os erros e agradecer as coisas boas que nos acontecem.

"Se baste, se ame, você não precisa de nada e nem de ninguém para ser feliz, seu Ser interno é a felicidade eterna. Assim quando aparecer um relacionamento atraído por seu campo energético, será para vocês partilharem essa felicidade eterna residente em cada um."



Espero que tenham gostado da resenha.
- Beijos, Carol!



*livro cedido em parceria com o autor, muito obrigada!


Deixe um comentário